Saúde e Bem Estar Redação

5 Ervas medicinais para emagrecer que você deve consumir!

5 Ervas medicinais para emagrecer que você deve consumir!
Gostou do Artigo?

As ervas medicinais podem ser ótimas aliadas ao emagrecimento já que elas complementam a nossa alimentação e potencializa a queima de gordura.

Além disso, as plantas medicinais podem ser ótimas aliadas contra diversos tipos de doenças, promovendo a boa saúde e bem-estar que são importantes para um corpo magro e saudável.

Abaixo, selecionamos 5 ervas medicinais que devem estar em sua dieta para emagrecer.

Entretanto, para que essas ervas medicinais funcionarem, você precisa ter uma alimentação saudável e rica em vitaminas e minerais.

1- Maca Peruana

Maca Peruana

Maca Peruana

A maca Peruana é uma erva medicinal para emagrecer originária de regiões de montanhas do Peru.

Ela ajuda no emagrecimento porque contém nutrientes essenciais como o ferro, cálcio, fibras e ômega-3. Seu consumo ajuda a manter a saciedade ao corpo, diminuindo seu apetite e sua vontade de comer besteira.

A maca Peruana também é usada como afrodisíaco natural já que aumenta a produção de sêmen nos homens e serve como um ótimo estimulante feminino aumentando a libido em mulheres.

É interessante destacar também que a maca Peruana reduz os efeitos da menopausa, promovendo o balanço dos hormônios femininos que em níveis não saudáveis podem prejudicar o seu emagrecimento.

2- Garcinia cambogia

Garcinia cambogia

Garcinia cambogia

A garcínia cambogia é uma potente erva medicinal para emagrecer porque evita a celulite e o acúmulo de gordura, principalmente na região abdominal.

Isso só é possível porque a garcínia cambogia bloquea uma enzima chamada citrato liase, que é responsável por transformar carboidratos e açúcares em gordura.

Leia também  10 benefícios para saúde imprevisíveis do marisco

E assim como a maca Peruana, a garcínia cambogia também pode promover a saciedade, fazendo você ingerir menos calorias durante o dia.

Vale destacar que a garcínia cambogia também pode servir para disenteria, reumatismo, úlceras, melhora dos níveis de energia, reforço do sistema imunológico. Tudo isso é possível devido suas propriedades anti viral e anti-inflamatória.

3- Chá verde

Chá verde ajuda emagrecer

Chá verde ajuda emagrecer

O chá verde emagrece porque possui princípios ativos que contribuem para quebra da gordura e ainda ajudam a controlar o colesterol ruim (LDL).

Além de promover o emagrecimento, o chá verde melhora a composição adiposa no organismo, reduzindo as chances de diversas doenças aparecerem, como diabetes e hipertensão.

Outro fator importante que faz o chá verde ser uma ótima erva para emagrecer é sua ação termogênica que acelera o metabolismo, fazendo seu corpo queimar mais gordura do que o normal.

Você quer saber mais benefícios do chá verde?

Então assista o que o Dr. Dayan Siebra diz:

4- Hibisco

Hibisco

Hibisco

O hibisco ajuda no emagrecimento porque regula os genes envolvidos no metabolismo dos lípidos, facilitando a eliminação da gordura. Além disso, o chá de hibisco reduz o tamanho das células de gordura, facilitando a sua queima.

Diferentemente do chá verde, o hibisco tem um sabor mais agradável e é rico em antioxidantes que previnem doenças do coração e o envelhecimento precoce.

A forma mais correta de usar o hibisco e garantir os melhores resultados é tomando as cápsulas para garantir uma dose mais exata. Entretanto, o chá também pode ser uma ótima maneira de aproveitar os benefícios dessa potente erva emagrecedora.

5- Erva-mate

Erva mate

Erva mate

A erva mate ajuda no emagrecimento porque melhora o funcionamento do organismo, desintoxicando e favorecendo a queima de gordura corporal.

Leia também  7 Benefícios das cascas de mandioca para a saúde e o meio ambiente

A melhor maneira de aproveitar a erva-mate é fazendo o chá. Entretanto, para adoçar o chá, dê preferência ao uso de um aspartame, como o Stevia que são adoçantes naturais que não prejudicam o emagrecimento.

Um ponto importante sobre o chá mate é que ele pode ser contraindicado para pessoas que sofrem de insônia e nervosismo. Isso porque a erva tem altas doses de cafeína que pode prejudicar a qualidade do sono.

Sobre o autor | Website

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.